e-Paper / e-Books / EPDs



A edição de setembro da revista Esquire terá 100 mil exemplares (de uma tiragem total de 720 mil) com capa eletrônica.
Uma bateria extremamente fina inserida na capa da revista, sem comprometer o formato e peso, vai fazer piscar a frase "O Século XXI começa agora!". A tal mini bateria foi desenvolvida na China e tem uma autonomia de 90 dias.
Tudo isso só pra fazer uma frase piscar na capa de uma revista?!!! Parece meio tosco mas é apenas uma sinalização do que deve ser a maior revolução do mercado editorial em pouqíssimos anos.
Espera-se que 2009 seja o ano do grande boom dos EPDs no mundo. Várias empresas estão investindo pesado nessa nova tecnologia, entre elas a Amazon.com e Sony.
Ambas já lançaram seus e-Books ou e-Papers ou Electronic Paper Display (EPD) no mercado. A Amazon lançou o Kindle e a Sony o Sony Reader.
Os EPDs são telas de 2 gadgets que leêm até 16 tons de cinza e funcionam como páginas de um livro ou jornal, além de carregarem outras funções como administração de blogs, acesso a e-mails, etc. tudo com um consumo baixíssimo de energia.
Há um forte apelo ecológico atrás dessa nova tecnologia contudo, não podemos esquecer que a maior parte dos componentes desses aparelhos usam materiais altamente poluentes e são fabricados na China, um país que não dá a menor bola para as questões ambientais.
Só pra você ter uma idéia, hoje são produzidos no mundo 90 milhões de notebooks por ano. A grande maioria deles na china. Para amenizar os danos ao meio ambiente no processo de produção dos notebooks, 15 milhões de árvores teriam que ser plantadas todos anos. Agora me fala, você já viu um chinês plantando árvore? Nem eu!

0 comentários: