R.I.P. Riley Ben King (1925-2015)


O jovem Riley Ben King nunca teve um professor de música. Autodidata, ele buscava nas melodias a paixão e tocava pelas ruas e bares na década de 40, quando foi descoberto pelas rádios e tornou-se conhecido como Blues Boy.
Na década seguinte teve seu primeiro grande sucesso com a canção Three O'Clock Blues e se tornou rei. B.B. King, em vida já era conhecido como uma lenda. O maior gutarrista de blues de todos os tempos, reverenciado por todos os músicos e por uma legião de fãs que se estendem pelo mundo a fora.Colecionador de uma infinidade de prêmios (só de Grammy foram 16), King gravou mais de 50 discos em quase 60 anos de carreira e registrou na eternidade músicas como “Three o’clock blues”, “The thrill is gone”, “When love comes to town”, “Payin’ the cost to be the boss”, “How blue can you get”, “Everyday I have the blues”, “Why I sing the blues”, “You don't know me”, “Please love me” e “You upset me baby”.
King faleceu na madrugada de 15 de maio.

0 comentários: