A Steampunk Art de Kazuhiko Nakamura



O designer e professor de arte 3D Kazuhiko Nakamura gastou muitas de suas horas livres estudando técnicas e criando obras que o transformaram também em artista plástico.


Muito diferente de tudo o que se vê na internet com o rótulo de "arte digital", o trabalho de Kazuhiko Nakamura se destaca não só pela complexa mistura homem/máquina mas também técnica peculiar: Cada uma das milhares de "peças" que compõem as imagens, são criadas uma a uma e aleatoriamente, posteriormente agrupadas para formar as imagens, como em um quebra-cabeça.


Nascido em Hyogo, no Japão, em 1961, Nakamura recebeu fortes influências da arte cyberpunk e do surrealismo em sua juventude. Essas nfluências são visíveis em seu trabalho, definido por um crítico de arte como "um híbrido surreal do homem e da máquina, um duro casamento de metal e carne". 


Nos últimos 10 anos o trabalho de Nakamura vem sendo reconhecido com prêmios e exposições em galerias de arte e instituições como The National Museum of Emerging Science and Innovation, deTokyo (2015) e o Hangaram Design Museum, de Seoul (2014).
Nas redes sociais ele é post certo nos perfis dos apreciadores de steampunk art.





0 comentários: